(11) 4745-6900

Artesp analisa projeto de ecoponto e áreas de lazer sob o Rodoanel

Expectativa da Prefeitura é que a unidade seja instalada no Jardim Monte Cristo

22 FEV 2021 - 23h:00 Por Matheus Cruz - de Suzano
Projeto para a construção foi enviado pela Prefeitura, que agora aguarda o retorno de análise Projeto para a construção foi enviado pela Prefeitura, que agora aguarda o retorno de análise / Regiane Bento/DS
A Agencia de Transporte do Estado de São Paulo (Artesp) está avaliando a viabilidade da implantação de um Ecoponto sob o Trecho Leste do Rodoanel Mario Covas (SP-21), em Suzano. 
 
O projeto para a construção já foi enviado pela Prefeitura de Suzano, que agora aguarda o retorno da análise. 
 
De acordo com a Artesp, o projeto está em fase de avaliação multidisciplinar pelas áreas técnicas da agência reguladora para verificar viabilidade de implantação e ainda não há previsão para conclusão das análises. 
 
A proposta prevê a utilização do espaço por um ecoponto, horta comunitária, quadras poliesportivas, áreas de lazer, aparelhos de ginástica e plantio paisagístico.
 
A expectativa da Prefeitura de Suzano é que a unidade seja implantada na Rua da Transmissão, no Jardim Monte Cristo, via que foi escolhida por se tratar atualmente de um local viciado de descarte irregular de entulho e lixo.
 
Meio Ambiente
 
De acordo com a Secretaria de Meio Ambiente, a pasta preparou um projeto para essa implantação e apresentou todas as políticas públicas que ratificam a atenção por parte da administração municipal quanto à gestão dos resíduos sólidos na cidade.
 
A concessionária SPMar encaminhou a indicação para a Agência de Transporte do Estado de São Paulo (Artesp) em agosto do ano passado e, desde então, aguarda autorização para poder iniciar a construção do ecoponto.
 
A pasta informou, ainda, que todo este processo tem sido acompanhado de perto pelo deputado estadual André do Prado.
 
Inclusive, o parlamentar comunicou a Prefeitura de Suzano que protocolou, no início de janeiro, um ofício reforçando o pedido e que a previsão é de que a Artesp tenha algum posicionamento a respeito nas próximas semanas.

Leia Também