(11) 4745-6900

Meio Ambiente coleta mais de 1,6 mil toneladas de resíduos

Dados foram apresentados na audiência que evidenciou os avanços da pasta em relação a gestão dos materiais

28 JUN 2022 - 22h:15 Por de Suzano
Destacou fortalecimento e ampliação dos projetos de Educação Ambiental</CW> Destacou fortalecimento e ampliação dos projetos de Educação Ambiental / Maurício Sordilli/Secop Suzano
A Secretaria Municipal de Meio Ambiente coletou 1.680 toneladas de resíduos sólidos no primeiro quadrimestre deste ano, ou seja, entre janeiro e abril. Os dados foram apresentados nesta segunda-feira (27/06) durante a prestação de contas na Audiência Pública da Câmara Municipal de Suzano. O titular da pasta, André Chiang, também destacou o fortalecimento e ampliação dos projetos referentes à Educação Ambiental, à fiscalização e ao licenciamento. 
 
Na ocasião, Chiang esteve acompanhado de parte da equipe técnica da pasta como a arquiteta e urbanista Flávia Fukushima, a engenheira ambiental Giovanna Hamada, o analista Allan de Oliveira, a tecnóloga Natacha Nakamura e o fiscal Edson Nilson, no qual detalharam sobre o funcionamento dos setores e serviços realizados em âmbito municipal, elencando os equipamentos públicos colaborativos, o balanço e projeções para os próximos meses. 
 
Entre os destaques do quadrimestre estão o trabalho da gestão de resíduos, que é realizado com o apoio dos quatro ecopontos e coleta seletiva, responsáveis pelo acolhimento de 1,6 mil toneladas de materiais inservíveis e 80 de recicláveis, respectivamente, e agora pelo projeto “Prefeitura Coleta”, que recolhe os itens nos prédios públicos da administração central. Recentemente, o setor ganhou o reforço com a inauguração da Central de Triagem de Recicláveis Dr. Edson Gianuzzi, somando com as políticas públicas vigentes. 
 
Outra pauta abordada com os parlamentares foi a consolidação de projetos socioambientais em parceria com a Secretaria Municipal de Educação e o Viveiro Municipal Tomoe Uemura, como a série “Diálogos Ambientais”, divulgação de boletins internos e também a inauguração do Programa de Capacitação da Câmara Técnica de Educação Ambiental do Conselho Municipal de Defesa do Meio Ambiente (Comdema). Foram cerca de 1.150 pessoas alcançadas com as práticas orientativas de preservação dos recursos naturais em menos de seis meses. 
 
Em relação ao trabalho de licenciamento e fiscalização ambiental, foram emitidos 98 documentos que avaliaram os impactos no território mediante a apresentação de projetos e estudos dos empreendimentos e obras, ao passo que 62 vistorias em pontos viciados e 74 autuações garantiram a limpeza e conservação das áreas de proteção, principalmente dos mananciais. Em consonância com este trabalho, a pasta também totalizou 48 notificações e multas por meio do Programa “Caçamba Verde” e das ações fiscalizatórias integradas com as instituições competentes. 
 
Um dos projetos em evidência foi o “Balainho”, promovido junto aos agricultores para melhorias ambientais feitos por meio de um mapeamento e visitas no local, bem como de oficinas temáticas com o mesmo grupo. A iniciativa consiste na criação de um sistema de informações da região e base para outras atividades. Neste momento, a equipe realizou um levantamento cadastral das áreas de produção e aspectos ambientais. 
 
Para o titular da pasta, André Chiang, os avanços em Suzano caracterizam-se pela soma de esforços junto aos poderes executivos e legislativos, como realizado com a revisão do Plano Municipal de Abastecimento de Água e Esgotamento Sanitário, instituído pela Lei 5.215/2019. “Com a adequação do município na legislação federal, vamos oferecer esta infraestrutura para mais bairros da cidade, proporcionando dignidade a todos. E assim como todas as outras ações que realizamos, só foi possível com a competência dos agentes envolvidos, tanto da equipe técnica quanto dos vereadores”. 
 
Chiang ainda celebra o saldo positivo do primeiro quadrimestre do ano e reforça o comprometimento com todas as outras demandas apresentadas durante a audiência. “Sabemos que a jornada do desenvolvimento sustentável é extensa, mas estamos caminhando a passos promissores. Agradeço a todas a participação dos parlamentares e sugestões. Vamos avaliar e viabilizar dentro das possibilidades”, finalizou.

Leia Também