(11) 97569-1373

Eleições 2020

Vinte candidatos do Alto Tietê fecham eleições sem receber votos

Biritiba-Mirim figura em primeiro, com 6 candidatos sem votos; dados são do Tribunal Superior Eleitoral

18 NOV 2020 - 22h:20 Por Fernando Barreto - da Região
Urnas garantiram votos para os eleitores, mas 20 candidatos não foram votados Urnas garantiram votos para os eleitores, mas 20 candidatos não foram votados / Regiane Bento/DS
O Alto Tietê tem 20 candidatos a vereador que não receberam votos nas eleições municipais de 2020, conforme dados disponíveis no portal do Tribunal Superior Eleitoral (TSE).
 
O maior número registrado foi em Biritiba-Mirim. São seis candidatos sem votos no município. Na cidade concorreram, à Câmara, 227 políticos.
 
Em seguida estão empatados Poá e Santa Isabel, com quatro candidatos sem computar votos.
 
Poá teve 371 candidatos concorrendo à Câmara. Enquanto Santa Isabel teve 279 concorrentes.
 
Ferraz aparece em seguida, com dois candidatos sem votos computados. O município teve 420 políticos concorrendo ao cargo de vereador.
 
Arujá, Itaquá, Mogi das Cruzes e Suzano aparecem com um candidato sem votos. Arujá teve 348 candidatos concorrendo ao cargo de vereador. Em Itaquá foram 433, Mogi teve 575 e Suzano 420.
 
Apenas Guararema e Salesópolis não registraram candidatos sem votos. Em Guararema foram 158 candidatos e Salesópolis 124.
 
Renovação nas Câmaras
 
Após eleições, a Câmara de Mogi renovou 65,21% dos seus vereadores. São 15 vereadores, dos 23 que ocupam a Casa de Leis, que não foram reeleitos. 
 
Apenas os candidatos Clodoaldo de Moraes (PL), com 3.164 votos; Edson Santos (PSD), com 2.580 votos; Iduigues Martins (PT), com 1.739 votos; Farofa (PL), com 2.336 votos; Marcos Furlan (DEM), com 1.479 votos; Maurinho do Despachante (PSDB), com 3.102 votos; Otto Rezende (PSD), com 1.642 votos e Pedro Komura (PSDB), com 2.339, foram reeleitos.
 
Já na Câmara de Suzano a renovação atingiu 52,63%. Entre eleitos e reeleitos, a coligação conquistou 18 cadeiras para o mandato de 2021 a 2024 na Câmara Municipal, sendo sete do Partido Liberal (PL). 
 
Entre os reeleitos, estão: Leandro Alves de Faria, o Leandrinho (PL); Marcos Antonio dos Santos, o Maizena (PTB); Antonio Rafael Morgado, o Toninho Morgado (PDT); Gerice Lione (PL); Joaquim Rosa (PL); Max Eleno Benetio, o Max do Futebol (Podemos); Edirlei Junio Reis, o Professor Edirlei (PSDB); e André Marcos de Abreu, o Pacola (PSC), e Denis Cláudio da Silva (DEM). 
 
Na Câmara de Poá a renovação foi de 52,6%. Entre os que se mantiveram são: Tio Deivão (PL), com 706 votos; Diogo Pernoca (PTB), com 1.514 votos; Edinho do Kemel (Pode), com 624 votos; Fabio Suru (Pros), com 1.076 votos; Marcilio Duarth (PL), com 1.183 votos; Saulo Dentista (DEM), com 584 votos; Welson Lopes (PL), com 736 votos.
 
A Câmara de Ferraz teve renovação de 41% dos vereadores. Das 17 cadeiras, apenas sete candidatos se reelegeram ao cargo. 
 
A Câmara de Itaquaquecetuba terá 14 novos vereadores eleitos a partir de 2021, ou seja, terá a renovação de 73% dos vereadores. Das 19 cadeiras na Casa de Leis, apenas cinco candidatos se reelegeram ao cargo.

Leia Também