(11) 4745-6900

Música

Cultura realiza premiação do Festival Suzanense da Canção Jovem

Participantes competiram entre as categorias de melhor intérprete, composição e canção pelo júri popular

14 JUL 2021 - 13h:00 Por de Suzano
Cultura realiza premiação do Festival Suzanense da Canção Jovem Cultura realiza premiação do Festival Suzanense da Canção Jovem / Yuri Guilhermat/Secop Suzano

A Secretaria de Cultura de Suzano realizou na última semana a cerimônia de premiação do Festival Suzanense da Canção (Fesc) Jovem. A primeira edição da mostra, que teve como objetivo incentivar a cultura musical produzida na cidade, reuniu artistas de 7 a 24 anos para apresentar suas músicas autorais ao público. Os cinco finalistas foram avaliados em três categorias diferentes.

A final do evento foi transmitida ao vivo na rede social oficial da pasta (www.facebook.com/culturadesuzano) e no YouTube da prefeitura (bit.ly/TVPrefeituradeSuzano). Na ocasião, os apresentadores relembraram a trajetória do festival durante este ano e apresentaram os grandes vencedores da edição de 2021, que competiram entre as modalidades de melhor intérprete, melhor composição e melhor canção pelo júri popular. O público também se fez presente na premiação, interagindo e torcendo por meio dos comentários.

Anunciado como o primeiro vencedor da noite, o cantor Aleister Borges, de 19 anos, levou para casa o troféu de melhor intérprete, com a música autoral “Me fazer surtar”, performance onde toca instrumentos, canta e dança. Logo em seguida, em outra categoria avaliada pela comissão técnica da Cultura, a suzanense Luana Matheus da Silva, de 17 anos, se destacou pela melhor composição, com a música “Monotonia de amar”, escrita exclusivamente para o festival.

Concluindo a edição de 2021, foi anunciada a melhor canção escolhida pelo público. A votação esteve aberta por uma semana no Instagram oficial da pasta. Com 789 votos, Luana conquistou seu segundo prêmio da noite, ainda com sua canção inédita sobre amor próprio e autoestima. Além da premiação em dinheiro e certificados de recordação, os competidores também receberam troféus feitos pelo artista plástico Felipe Lanzas, que simbolizam seus sentimentos pela música.

O evento on-line é uma das contrapartidas da Lei de Emergência Cultural Aldir Blanc, que oferece mecanismos para apoiar artistas durante o período da pandemia do novo coronavírus (Covid-19).

A coordenadora de música da pasta, Carla Shinabe, destacou a importância do evento para estes jovens, que estão iniciando suas carreiras artísticas e têm um futuro promissor pela frente. “Nós gravamos as canções previamente no Teatro Municipal Dr. Armando de Ré, seguindo todas as medidas de segurança contra a Covid-19. Para muitos, aquela foi a primeira experiência com uma apresentação oficial e, mesmo com o nervosismo, mostraram seu valor. Eles foram extremamente talentosos e temos certeza que esse festival foi marcante para todos”, destacou.

Em sua fala, o secretário municipal de Cultura, o vice-prefeito Walmir Pinto, lembrou que esta é uma das primeiras ações da linguagem na cidade e a meta da administração municipal é fomentar cada vez mais concursos musicais. “Nossa primeira edição teve resultados extremamente positivos e demonstrou a força cultural de Suzano, com produções autorais de alto nível. As ações de incentivo continuarão a se intensificar para melhor atender a todos, a cultura é feita pelo povo e para o povo. É nisso que acreditamos”, concluiu.

Leia Também