(11) 4745-6900

Diagnóstico da educação

6 NOV 2021 - 05h:00

A avaliação diagnóstica ajuda a identificar as causas de dificuldades específicas dos estudantes na assimilação do conteúdo. Por isso, Suzano anunciou que deve realizar este trabalho para tentar aprimorar o trabalho educacional na rede.
O DS trouxe reportagem esta semana mostrando que a Secretaria de Educação de Suzano deu início a uma nova avaliação diagnóstica na rede municipal de ensino. A medida acontece de forma periódica e é voltada para verificar como está o aprendizado dos alunos, possibilitando que, neste momento de retorno às salas de aula, os educadores possam adaptar suas abordagens para atender às necessidades identificadas.
A iniciativa foi estabelecida neste momento, segundo a Prefeitura de Suzano, como uma estratégia para fortalecer o ensino e identificar quais conhecimentos e habilidades foram assimilados ou não pelas crianças, em especial durante este período de atividades remotas estabelecidas por causa do novo coronavírus (Covid-19). As provas abordam as disciplinas de Língua Portuguesa e Matemática, tendo o conteúdo programático de cada ano como referencial para mensurar como está o andamento do aprendizado.
Identificar o que os alunos já sabem antes de começar o trabalho de mais um ano letivo é essencial para iniciar o planejamento docente. Para garantir que nada seja deixado de lado, é organizado um cronograma de ações pedagógicas e elaborado um plano semestral com os professores, em que são analisados os dados de cada turma.
Especialistas afirmam que a avaliação diagnóstica ajuda a identificar as causas de dificuldades específicas dos estudantes na assimilação do conhecimento, tanto relacionadas ao desenvolvimento pessoal deles quanto à identificação de quais conteúdos do currículo apresentam necessidades de aprendizagem. 
Em Suzano, a avaliação diagnóstica teve início na Escola Municipal Caic, no Jardim Monte Cristo, no dia 27 de outubro, e deve seguir ao longo das próximas semanas por todas as instituições de ensino da rede municipal, contemplando os mais de 26 mil alunos matriculados. Para o 5º ano, a prova conta com conteúdo diferenciado e está sendo cumprida de modo totalmente digital, com uso dos 48 novos chromebooks adquiridos pela Secretaria Municipal de Educação em setembro. 
Com isso, as crianças realizam a atividade em ambiente virtual e o resultado já é encaminhado para os professores.
É essencial para garantir o pleno aprendizado de todas as crianças da rede, possibilitando que os professores tenham conhecimento do que cada aluno assimilou ou ainda tem dificuldades, criando um panorama da realidade das comunidades. Os resultados levarão gestores e profissionais da Educação a refletirem sobre as causas das dificuldades e os meios de lidar com as necessidades encontradas.

Leia Também