(11) 4745-6900

Passe Livre Estudantil

4 JAN 2022 - 05h:00

O Passe Livre é um programa muito importante porque garante a pessoas com deficiência e comprovadamente carentes o acesso gratuito ao transporte coletivo por municípios do Brasil. Suzano é uma das únicas cidades que oferecem o benefício. Ontem, a Secretaria Municipal de Educação iniciou o recebimento das inscrições e recadastramento para o programa. Neste primeiro dia, a pasta já registrou 531 pedidos para gratuidade no transporte público durante os primeiros seis meses de 2022 (O DS traz reportagem completa na edição de hoje). 
Em todo o País, a reivindicação por gratuidade na tarifa do transporte público ganhou força com a atuação do Movimento Passe Livre.
A pauta da gratuidade no transporte público foi influenciada por diversas figuras e grupos políticos. Uma das pessoas de maior expressão nessa luta foi Lúcio Gregori, secretário do Transporte durante a gestão da então prefeita Luiza Erundina (1989-1992), em São Paulo. Seu projeto “Tarifa Zero” sofreu muita resistência e não chegou a ser votado, mas Lúcio ficou conhecido como referência no assunto. Diversos movimentos sociais e grupos políticos lutavam pela gratuidade das passagens para estudantes no Brasil, e, em alguns casos, pelo passe livre para toda a população.
Em 2013 o aumento da passagem em São Paulo levou milhares de manifestantes às ruas. O MPL foi um dos grupos responsáveis pela divulgação e pela extensão que os protestos ganharam. Nessa ocasião, diversos grupos políticos, movimentos sociais e religiosos aproveitaram os protestos para levar diferentes bandeiras e reivindicações às ruas. Mas a mobilidade foi o estopim.
Em Suzano, as solicitações podem ser realizadas até 21 de janeiro exclusivamente no site oficial (www.suzano.gov.br/web/passe-livre).
De acordo com a pasta, a expectativa é de beneficiar mais de 2,5 mil estudantes do município, sendo eles do ensino fundamental, médio, técnico e superior. A iniciativa concede acesso gratuito ao transporte público municipal para aqueles que se encaixam no perfil de renda familiar de até três salários mínimos ou de até meio salário mínimo per capita com comprovação na folha-resumo do Cadastro Único (CadÚnico). 
Em Suzano, diante do cenário de pandemia do novo coronavírus (Covid-19), a liberação dos créditos para os beneficiários é realizada mediante aulas presenciais. 
Para aqueles que apresentarem dificuldades em acessar a internet, podem entrar em contato com a equipe da Secretaria Municipal de Educação por meio do e-mail passelivresuz@gmail.com. Os atendimentos presenciais serão reservados apenas em casos de falhas no sistema online, para garantir a segurança de todos os envolvidos. 
É importante que o programa seja mantido para garantir o benefício aos estudantes.

Leia Também