(11) 97569-1373

Solidariedade na pandemia

2 JUL 2020 - 23h:59
Neste período de pandemia, a solidariedade é muito importante. O projeto ‘Diário Solidário’, idealizado pelo DS, continua com espaço aberto para receber inscrições de novas causas e entidades. 
 
A ação surgiu com a intenção de ajudar a minimizar os impactos causados pela pandemia do novo coronavírus.
 
O objetivo é dar visibilidade para associações e ONGs que arrecadam doações para pessoas em situação de vulnerabilidade social durante o período de quarentena e isolamento.
 
Até o momento, 11 entidades e projetos já se cadastraram
 
na iniciativa. São ações voltadas para crianças, jovens e adultos que necessitam de ajuda neste momento mais crítico. Entre essas ações estão a Associação Esperança e Destino, o projeto Cidadão em Construção da Comunidade Kolping São Judas Tadeu e a ONG Sciences.
 
Mas é importante que outras entidades possam participar.
 
Muitas associações e entidades cadastradas ampliaram suas ações para atender outros públicos durante o período de pandemia. Entre os donativos mais pedidos estão cestas básicas, alimentos, produtos de higiene, roupas, além de álcool em gel e máscaras de proteção facial. Todos os donativos são destinados para pessoas vulneráveis.
 
As associações e ONGs interessadas em veicular campanhas de arrecadações no portal do DS, devem preencher o formulário através do link (https://bit.ly/diariosolidario), explicando como as pessoas podem doar, o que será arrecadado, quem será ajudado com a iniciativa e como as pessoas podem realizar as doações. No formulário também será necessário preencher os contatos, como telefone, e-mail e site (se houver).
 
O DS se compromete em divulgar as ações no portal (diariodesuzano.com.br), bem como no jornal impresso. Todas as informações necessárias serão publicadas para que os leitores e internautas possam entrar em contato para realizar as doações. 
 
As medidas de isolamento social para os que podem ficar em casa são fundamentais para evitar o avanço da Covid-19, doença causada pelo novo coronavírus. Neste momento, muitas pessoas perderam suas fontes de renda e passaram a contar com a ajuda de doações, seja de alimentos, itens de higiene ou financeiras. Locais essenciais na luta contra a pandemia — instituições de pesquisa e hospitais (bem como seus profissionais de saúde) — também têm-se organizado para receber contribuições.
 
Há também muitas pessoas precisando de ajuda, de alimentação, e, por isso, é importante que a ajuda chegue.
 
O DS Solidário tenta fazer a sua parte com a divulgação dos nomes das entidades que podem ajudar. 
 
Essa será uma forma importante de abrir uma porta para quem quer ajudar e, principalmente, para quem precisa.
 
Neste momento de combate ao novo coronavírus, a solidariedade se tornou uma das principais armas contra a pandemia. Muitos voluntários têm se mobilizado para ajudar pessoas em estado de vulnerabilidade social, idosos —mais suscetíveis à Covid-19— e quem precisa de apoio psicológico. Distribuição de alimentos, doação de produtos de higiene pessoal e consultas gratuitas são algumas das ações.

Leia Também