(11) 4745-6900

Política

João Doria anuncia desistência da pré-candidatura à Presidência

Ex-governador de São Paulo diz que sai da disputa com o “coração partido”

23 MAI 2022 - 13h:15 Por De São Paulo
Tucano se pronunciou oficialmente na manhã desta segunda-feira (23). Tucano se pronunciou oficialmente na manhã desta segunda-feira (23). / Reprodução/Twitter

O ex-governador de São Paulo, João Doria (PSDB), desistiu da candidatura à Presidência. Doria afirma sair da disputa com o “coração partido”. O Tucano se pronunciou oficialmente na manhã desta segunda-feira (23).

"Me retiro da disputa com o coração ferido, mas com a alma leve. Saio com sentimento de gratidão e a certeza de que tudo o que fiz foi em benefício de um ideal coletivo, em favor dos paulistanos, dos paulistas e dos brasileiros", disse.

Doria vinha sendo pressionado pela cúpula do partido. A legenda pretende apoiar a senadora Simone Tebet (MDB-MS). A ideia é consolidar uma única candidatura da terceira via.

“Hoje, serenamente, entendo que não sou a escolha da cúpula do PSDB. Aceito esta realidade com a cabeça erguida. Sou um homem que respeita o bom senso, o diálogo e o equilíbrio. Sempre busquei e seguirei buscando o consenso, mesmo que ele seja contrário à minha vontade pessoal”, completou Doria.

Ele havia dado sinais de que deixaria a disputa em março, não renunciando ao cargo de governador. A decisão prejudicaria Rodrigo Garcia, hoje pré-candidato ao Palácio dos Bandeirantes pelo partido. Em evento no Palácio dos Bandeirantes, no entanto, o ex-governador foi firme e anunciou que permaneceria na disputa.

Durante o discurso, Doria relembrou sua trajetória política. Ele mencionou seu pai, João Doria, que teve seu mandato de deputado federal cassado no golpe militar de 1964.

“Saio com o sentimento de gratidão e a certeza de que tudo o que fiz foi em benefício de um ideal coletivo, em favor dos paulistanos, dos paulistas e dos brasileiros”, discursou.

 

Leia Também