(11) 97569-1373

Sequestro relâmpago

Motorista de aplicativo é amarrado e colocado no porta-malas durante assalto em Suzano

Três criminosos se passaram por passageiros e solicitaram corrida para o bairro do Raffo

21 JAN 2020 - 14h:41 Por Marcus Pontes - de Suzano
Motorista de aplicativo foi libertado em um local próximo à base da PM na Indio Tibiriçá Motorista de aplicativo foi libertado em um local próximo à base da PM na Indio Tibiriçá / Arquivo/DS

Um motorista de aplicativo, de 27 anos, foi vítima de um sequestro relâmpago no domingo à noite, 20, em Suzano. Três criminosos se passaram por passageiros e solicitaram uma corrida até o bairro do Raffo, mas, antes de chegar ao destino final, enforcaram a vítima e anunciaram o assalto.

O Boletim de Ocorrência, registrado na madrugada desta segunda-feira, 21, aponta que o assalto foi por volta das 21h30. O pedido para a corrida veio do bairro Cidade Edson, com destino ao Raffo. 

No percurso, porém, um dos ladrões enforcou a vítima. Outro criminoso pôs uma arma na cabeça da vítima e anunciou o roubo. De acordo com o registro do caso, o motorista de aplicativo foi colocado no banco traseiro.

Em depoimento à Polícia Civil, a vítima contou que os ladrões dirigiram por várias ruas. Depois, foi amarrado e colocado no porta-malas. O motorista de aplicativo ainda falou que os bandidos fizeram compras com o cartão de crédito, além de pegar o celular e R$ 400 da vítima. 

Após hora sob o poder dos criminosos, a vítima foi libertada próximo ao posto da Polícia  Militar Rodoviária (PMRv), na Rodovia Índio Tibiriçá (SP-31). O veículo da vítima também foi deixado no local.

Uma investigação foi aberta. Agora, a polícia foca os esforços para localizar os criminosos. O caso segue sob análise de policiais do distrito central. 

Leia Também