(11) 97569-1373

Estado anuncia mais 10 respiradores para Mogi das Cruzes

Notícia foi confirmada ao prefeito Marcus Melo, na noite de terça-feira (14/07), pelo secretário estadual de Desenvolvimento Regional, Marco Vinholi

15 JUL 2020 - 14h:51 Por de Mogi
Novos leitos serão instalados no Centro Especializado em Reabilitação Dr. Arnaldo Pezzuti Cavalcanti, no Distrito de Jundiapeba Novos leitos serão instalados no Centro Especializado em Reabilitação Dr. Arnaldo Pezzuti Cavalcanti, no Distrito de Jundiapeba / Ney Sarmento/PMMC

Mogi das Cruzes deve ganhar, nos próximos dias, mais 10 leitos públicos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) para Covid-19. Os novos leitos serão instalados no Centro Especializado em Reabilitação Dr. Arnaldo Pezzuti Cavalcanti, no Distrito de Jundiapeba, para aumentar a capacidade de atendimento aos casos mais graves do coronavírus na região. 

A notícia foi confirmada ao prefeito Marcus Melo, na noite de terça-feira (14/07), pelo secretário estadual de Desenvolvimento Regional, Marco Vinholi. Com os novos equipamentos, Mogi passará a contar com 128 leitos de UTI, dos quais 87 públicos, 54 deles implantados no Hospital Municipal, onde funciona o Centro de Referência do Coronavírus. 

“Somente no Hospital Municipal conseguimos quintuplicar o número de leitos de UTI para atendimento aos pacientes suspeitos e confirmados de Covid-19. A instalação de mais 10 leitos públicos de UTI na cidade colabora para ampliar os atendimentos e reduzir nossas taxas de ocupação”, explica o prefeito. Nesta quarta-feira (15/7), a taxa de ocupação dos leitos de UTI na cidade é de 51,6% e, de enfermaria, 42,9%.

Os leitos de UTI Covid no Dr. Arnaldo serão instalados com novos respiradores destinados à unidade. O Governo de São Paulo anunciou, nesta semana, a distribuição de mais 179 respiradores para hospitais de 45 cidades localizadas no interior e na Grande São Paulo. O Dr. Arnaldo está entre as unidades contempladas, segundo o Estado, porque faz parte da "reserva estratégica" para eventual demanda regional no enfrentamento à pandemia.

Há pouco mais de um mês, o Estado encaminhou os primeiros 20 respiradores para a cidade, utilizados para implantação de leitos de terapia intensiva no Hospital Municipal. Desde o início da pandemia, a unidade já realizou 9.035 atendimentos, dos quais 802 pacientes permaneceram internados – 40% em leitos de UTI pelo período médio de cinco dias.

Desde o início da semana, o município está na fase 3 – Amarela do Plano São Paulo, do Governo Estadual.  A mudança de fase permite a reabertura dos setores de beleza, bares, restaurantes e lanchonete, as academias e serviços de educação não-regulada, mas ainda exige cuidados de rotina e isolamento social, sempre que possível, principalmente para idosos e pessoas com doenças preexistentes. Até o momento, Mogi das Cruzes soma 2.911 casos confirmado de Covid-19 dos quais, infelizmente, 202 pacientes foram a óbito.  

Leia Também